Enxoval do gatinho

08 janeiro 2012, 23:47. Postado por Resgatinhos

Quando trazemos um gatinho para casa precisamos estar preparados para recebê-lo. Se este for seu primeiro gatinho, você terá que providenciar alguns itens que são essenciais, e outros que nem são tão essenciais assim, mas que contribuem para que o novo membro da família logo se sinta à vontade e confortável em seu novo lar.

RAÇÃO

É muito importante que a ração seja de excelente qualidade. Apesar de serem mais caras, recomendamos as rações Super Premium (dessas encontradas somente em petshops). FUJA das rações coloridinhas, vendidas a granel, vendidas em supermercados! Não considere como um gasto, mas sim como um investimento na saúde do seu gato, que irá prevenir despesas maiores com veterinário no futuro. Nossos resgatinhos são alimentados com a ração ROYAL CANIN Super Premium.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
POTINHOS PARA ÁGUA E COMIDA

Devem ser preferivelmente de porcelana, vidro ou aço inoxidável. Evitar os potinhos de plástico, pois com o tempo ficam com ranhuras que acumulam bactérias e contribuem para o aparecimento da acne felina (especialmente gatos brancos – ou com o queixinho branco – são propensos a ela). Coloque um potinho de comida para cada um dos gatinhos, e água sempre fresca à vontade (de preferência mineral ou filtrada). Não coloque o potinho de ração muito próximo do de água, pois é comum caírem grãos de ração dentro da água e então o gato para de beber. Sugerimos colocar alguns potinhos de água estrategicamente espalhados pela casa para incentivá-los a beber mais. Gatos gostam muito de água corrente, é comum aprenderem a tomar da torneira (o que não é legal, porque essa água tem muito cloro). Existem fontes de água específicas para pets no mercado, ou você mesmo pode montar a sua usando dessas bombinhas de aquário, é bem fácil!

GRANULADO SANITÁRIO E CAIXINHA

Existem várias marcas de granulado sanitário no mercado, desde os mais baratinhos, encontrados em supermercados, até os importados, de pinho reciclado, de sílica, enfim, hoje em dia contamos com muito mais opções. Escolha um granulado que caiba no seu orçamento e que controle bem o odor de urina. Evite os granulados perfumados – lembre-se que o olfato dos gatos é muito mais apurado do que o nosso, e o que para você é um cheirinho gostoso para ele pode tornar as visitas à caixinha um martírio olfativo! Existem granulados que podem ser descartados no vaso sanitário, uma opção prática. NÃO USE AREIA DE CONSTRUÇÃO NA CAIXINHA DO SEU GATO, pois ela pode transmitir incontáveis doenças, inclusive para você e sua família.

Quanto à caixinha, a regra dita uma para cada gato da casa, e mais uma extra. Deve ser mantida escrupulosamente limpa, pois gatos detestam ir ao banheiro sujo. Opte por modelos maiores para o gato ficar confortável, e com as paredes mais altas (ou caixinha coberta) para ajudar a controlar a espalhação de areia ao redor. Um tapetinho na frente da caixa também é uma boa pedida, para eventuais patinhas molhadas de xixi. Ah, e não esqueça da pazinha para recolher os dejetos! A caixinha deve ser colocada em um lugar bem tranquilo da casa, e o mais longe possível dos potinhos de água e comida.

CAIXINHA DE TRANSPORTE

Essencial, sem ela nenhum gatinho sai da clínica. Para você poder transportar seus gatos no carro, levá-los ao vet, ou mesmo para deixar a caixinha aberta em um cantinho da casa para que eles possam se esconder ou dormir (assim eles não associam a caixinha somente a visitas ao vet, e portanto fica mais fácil colocá-los dentro quando você precisa). Escolha um tamanho grande o suficiente para seu gato poder se movimentar confortavelmente, e de plástico, para facilitar a limpeza. Em tempo: é contra a lei transportar animais soltos no carro, sabia? Se você for parado por um policial você pode levar uma baita multa, e o que é pior, o policial pode apreender o animal!

 

 

ESCOVINHAS, PENTES, RASQUEADEIRAS E AFINS

Gatinhos gostam de ser escovados, e isso ajuda a eliminar os pelos mortos, diminuindo consideravelmente a frequência da eliminação de bolas de pelos. Principalmente gatos com pelagem mais longa precisam ser escovados com maior frequência. A hora da escovação é uma boa ocasião para estreitar os laços afetivos com o seu peludo, e pode se tornar um momento tão prazeiroso que alguns gatinhos chegam a pedir pra ser escovados! Para aparar as unhas do seu gato existem tesourinhas especiais, facilmente encontradas em qualquer petshop.

 

ARRANHADORES

Gato gosta de arranhar, isso é fato e não muda. Mas podemos preservar nossos sofás dando ao gato uma superfície mais adequada para isso. Quanto mais alto for o arranhador melhor, pois o gato consegue se alongar todo. A base precisa ser bem firme e estável, e o material de revestimento algo que interesse os gatos: sisal, ou carpetes ásperos. Esses arranhadores de carpete peludinho e macio podem ser mais bonitos e combinar melhor com sua casa, mas os gatos vão olhar pra eles com desprezo e voltar a arranhar seu sofá. Existem arranhadores de todos os tipos, verticais e horizontais, para todos os gostos e bolsos, dos mais simples a verdadeiros castelos para os bichanos! A maioria dos bons petshops oferece alguma variedade, mas você também pode encontrar arranhadores online, e encomendar do jeito que você quiser. A seguir colocamos alguns links para ajudar na procura (Atenção! O resGatinhos não tem vínculo com nenhuma dessas empresas e não se responsabiliza pela qualidade dos produtos vendidos).

www.symonsarranhadores.com.br
www.gataria.com.br/
www.cozygatos.com.br/
www.ronron.com.br

CAMINHAS E ALMOFADAS

Alguns gatos gostam, outros não fazem questão, querem mesmo é dormir na sua cama/travesseiro/sofá/cabeça. Isso quando não resolvem dormir dentro da pia, ou numa caixinha de papelão minúscula ou em algum outro lugar igualmente estranho e desconfortável. Vai entender esses felinos! Caminhas tipo iglu costumam fazer sucesso, pois gatos gostam de lugares onde se sentem escondidos e protegidos.

 

BRINQUEDINHOS

Devemos manter nossos bichanos dentro de casa, longe dos perigos da rua. Portanto, temos a responsabilidade de proporcionar a eles um ambiente estimulante e divertido, onde poderão se entreter e exercitar. Tire 15 minutinhos do seu dia para brincar com seu gato…se você não pode dispor desse tempo para dar atenção a ele, então é melhor nem ter um bichinho em casa! Existem inúmeras opções de brinquedos para gatos no mercado. O importante é que não tenham peças pequenas que possam se soltar e ser engolidas – se for o caso, arranque olhinhos, orelhinhas, rabinhos, tudo o que puder se soltar facilmente. Brinquedos interativos, como varinhas de pescar, são muito bem recebidos, mas tudo que tem fios e cordinhas deve ser guardado depois da brincadeira, para evitar acidentes. Também não deixe brinquedos com catnip (erva-de-gato) disponíveis o tempo todo, porque com o tempo os gatos perdem a sensibilidade à erva, e daí acaba a graça! Aquelas luzinhas laser costumam fazer o maior sucesso (só cuidado para não apontar para o olho do gatinho!). No entanto, o brinquedo preferido da maioria dos gatos continua sendo uma boa caixa de papelão, ou sacolas de compra (cuidado com as alças, arranque-as antes de dar as sacolas para os gatos brincarem! E cuidado com sacolas de plástico, alguns gatos tem o hábito de mastigar e engolir!). Bolinhas de papel alumínio, bem amassadinhas, são outro hit. Tampinhas de garrafa. Araminho de amarrar pacote de pão. Bolinhas de gude ou de ping-pong. Gatos preferem coisas simples, e com o tempo você vai descobrir que não adianta gastar fortunas em brinquedos high-tech, porque os campeões de audiência continuam sendo os brinquedos mais simples e básicos. E nada substitui a interação com o humano da casa: brinquedo com amor.
Obs. Se vc tiver a possibilidade de alguém que traga do exterior (nunca vimos pra vender aqui no Brasil, se alguém souber de algum lugar que venda agradecemos a informação!), recomendamos muuuito um brinquedo chamado DaBird. Os gatos simplesmente piram com ele!

Fique à vontade para compartilhar os nossos textos, mas se for reproduzi-los em sua totalidade ou mesmo em parte, por favor mencione a fonte e coloque o link de redirecionamento.